sexta-feira, 30 de junho de 2017

O Vasco começa atrás


Após o término do NBB 9 - talvez a edição mais emocionante da história - os clubes começaram a se movimentar. E o Vasco? Por hora não.

Como já dito anteriormente (em post aqui no blog) o ano de 2017 será de eleições presidenciais no clube. Renegado por grande parte da torcida, o atual presidente (Eurico Miranda) prometeu maior investimento no Basquete. A realidade, até então, não é esta.

O Gigante da Colina possui uma receita relativamente baixa e, afundado em dívidas, tenta quita-las gradualmente. Com pouco poderio monetário para o esporte principal (futebol), o basquete acaba ficando em segundo plano.

Segundo algumas pessoas ligadas ao basquete, há algumas pendências relacionadas a alguns jogadores. Além disso, vários ainda possuem contrato até Julho e não foram comunicados, seja para dispensa e renovação.

Todos esses imbróglios impedem, por hora, qualquer ação concreta. Sabe-se, porém, que ainda falta bastante tempo para a reapresentação (Agosto) e para o Estadual (Setembro). A torcida, com razão, aguarda impacientemente por novos reforços e por definições, tendo em vista que a última temporada não foi excepcional.


▪Sobre especulações e frustrações:

- o Ala, Betinho, ex-Campo Mourão, era tudo como grande possível contratação pela torcida, mas, sem receber proposta, acertou com a equipe Basquete Solar Cearense.

- O nome da vez é Chris Hayes (pivô). Atualmente defendendo o Vitória, algumas notícias circulam sobre um suposto interesse do Vasco.

O cenário no momento é este. Apenas sondagens e conversas. Como a maior parte da torcida desejava uma ação rápida - pós NBB - a frustração foi maior. Contudo, não significa que não haverá qualquer investimento.  Agora basta aguardar e torcer para uma formação de elenco qualificado.

Por: João Pedro Farah

0 comentários: